NIPT Ampliado: teste pré-natal para análise de síndromes raras

O Teste Pré-natal Não Invasivo Ampliado (NIPT Ampliado), além de identificar os riscos da gestação para as síndromes mais comuns (Down, Edwards e Patau), permite avaliar condições mais raras, como Síndrome de Wolf-Hirschhorn e Síndrome de DiGeorge, entre outras.

O exame pode ser feito a partir de 10 semanas de gravidez, com uma simples coleta de sangue materno.

Para saber mais, acesse a plataforma Fleury Genômica.



10/10/18

10 de outubro de 2018

Compartilhar: